Parceiros



'Efeito Marielle': candidatas ligadas à ex-vereadora são eleitas deputadas

Autoria: Redação  |  Fotos: JN



Mais de seis meses depois do assassinato de Marielle Franco (PSOL), crime ainda sem conclusão, o legado político da ex-vereadora teve influência na eleição de domingo (7). Quatro assessoras dela foram eleitas pelo PSOL: três como deputadas estaduais e outra como deputada federal.

Talíria Petrone foi a 9ª parlamentar mais votada do Rio para o Congresso Nacional, com 107.317 votos. Vereadora de Niterói e amiga da política assassinada em março, ela foi a segunda mais votada da sigla no Estado.

Para o Parlamento Estadual, foram eleitas a ex-chefe de gabinete Renata Souza — com 63.937 votos — e as ex-assessoras Mônica Francisco e Dani Monteiro. Todas trabalharam com Marielle durante o mandato.

galeria de imagens desta notícia

deixe seu comentário



 



comentários

Os comentários não expressam a opinião da Folha Popular ou de seus representantes e colaboradores e são de inteira responsabilidade das pessoas que os escreveram.

Nenhum comentário



outras notícias



Assine nossa NewsLetter !

Por favor, digite seu Nome e Email

Digital Newsletter

Para cancelar inscrição, por favor clique aqui» .


A Folha

Capa
Expediente
Contato

Redes Sociais

Facebook
Twitter
Youtube

Segurança

Acesso Restrito
Webmail

Voltar ao topo